Contribuições do INSS aumentam de valor em 2022

14 jan, 2022 | Notícias Tributárias, Gestão Tributária | 0 Comentários

As contribuições do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) vão aumentar neste ano depois que o salário mínimo subiu de R$ 1.100 para R$ 1.212. Outros pagamentos referentes ao piso nacional também foram reajustados: abono salarial PIS/Pasep, seguro-desemprego e BPC (Benefício de Prestação Continuada).

Desta forma, as contribuições para o INSS tiveram um reajuste de 10,18%, mudando a tabela de contribuição. O novo valor começa a ser praticado a partir de fevereiro.

Como calcular?

A forma de cálculo do desconto do INSS passou a ser progressiva após a Reforma da Previdência. Ela agora é aplicada de acordo com a faixa de salário do trabalhador até o teto, como já realizado no Imposto de Renda.

As alíquotas para 2022 tiveram seus valores baseados no INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) que está em 10,18%.

Trabalhadores avulsos: para quem recebe o valor de R$ 1.212, vai pagar 7,5%

Para quem recebe de R$ 1.212,01 a R$ 2.427,79, vai pagar 9%

Quem recebe R$ 2.427,80 a R$ 3.641,69, vai pagar 12%

A maior alíquota é destinada para quem recebe de R$ 3.641,70 a R $7.080,50, e vai pagar 14%.

Os contribuintes facultativos e Microempreendedores Individuais (MEI) também tiveram suas contribuições reajustadas, por isso, quem realiza o pagamento através de carnê manual ou através de emissão da guia no site do INSS deve prestar bastante atenção.

Neste mês você ainda vai pagar a contribuição ao INSS na competência de 2021, ou seja, ainda com base no salário no valor de R$ 1.100, somente a partir de fevereiro que você irá pagar sobre o salário de R$ 1.212. Lembrando que a competência de 2021 deve ser paga até 15 de janeiro, somente para o MEI que a data é outra, 20 de janeiro. O MEI a contribuição é de 5% (R$ 60,60).

Veja agora as alíquotas para contribuintes individuais

Contribuinte Individual de 20% Código GPS 1007 (R$ 242,40)
Contribuinte individual de 11% Código 1163 (R$ 133,32)

Contribuinte Facultativo

Contribuinte Facultativo de 20% Código GPS 1406 (R$ 242,40)
Contribuinte Facultativo de 11% Código GPS 1473 (R$ 133,32)
Contribuinte Facultativo Baixa Renda de 5% – 1929 (R$ 60,60).

Veja também: MICROEMPRESAS E MEI TÊM ATÉ FEVEREIRO PARA RENEGOCIAR DÍVIDAS COM ATÉ 70% DE DESCONTO

Receba os conteúdos diretamente em seu celular, envie uma solicitação para nosso WhatsApp clicando aqui.

[Entre no nosso canal no Telegram]

Para entrar em contato conosco e tirar dúvidas, envie um e-mail para: [email protected]

🚀 O curso Gestão Tributária de Contratos e Convênios vai dar um up na sua carreira! CONFIRME SUA PRESENÇA CLICANDO AQUI.

Curso INSS na Contratação de Autônomos (Inclusive MEI)

Domine as normas de apuração da Contribuição Patronal e da Retenção para o INSS na contratação de prestadores pessoas físicas e MEI.

Curso INSS na Contratação de Autônomos (Inclusive MEI)

Publicações recentes

Arquivos

Posts relacionados

Seu comentário é bem-vindo!

Adicione seu comentário ou deixe sua pergunta.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.