Início da emissão da NFS-e Padrão Nacional é adiado

31 mar, 2023 | Gestão Tributária, Notícias Tributárias | 0 Comentários

Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN) decidiu prorrogar para 1º de setembro de 2023 o início do prazo da obrigatoriedade da emissão da Nota Fiscal de Serviços eletrônica (NFS-e) que estava prevista para o próximo dia 3 de abril.

A Resolução do CGSN também atualiza as normas que tratam da transação tributária no âmbito do Simples Nacional.

Pela nova regra, débitos que estejam em contencioso administrativo fiscal nas fazendas federal, estadual, municipal e distrital poderão ser transacionados.

VEJA TAMBÉM: SUPREMO COMEÇA A JULGAR SE ISS SOBRE CARTÃO DE CRÉDITO E PLANOS DE SAÚDE PASSA A SER TRIBUTADO NO MUNICÍPIO DO DESTINO.

Será permitida também a utilização de precatórios ou direito creditório, que já tenham sentença transitada e julgada, para amortização da dívida tributária principal, juros e multa, desde que o valor a ser utilizado seja de créditos tributários do próprio devedor.

A Resolução CGSN será publicada em edição extra do Diário Oficial da União desta sexta-feira (31).

Curso Especialista em Retenções Tributárias

Domine a complexa legislação tributária que trata das retenções na fonte e dê uma guinada em sua carreira profissional!

Curso especialista em Retenções Tributárias

Publicações recentes

Featured Video Play Icon

A DIRF ainda terá que ser entregue em 2025? Alteração importante!

O adiamento da DIRF 2024 gera diversas implicações. A primeira e mais importante é que esse fato não indica uma flexibilização (…)

Arquivos

Posts relacionados

Seu comentário é bem-vindo!

Adicione seu comentário ou deixe sua pergunta.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *